WISC-III – Especificidades sobre a administração e cotação (a IdadeCronológica)

Apesar da informação detalhada incluída no capítulo “Considerações gerais de administração e cotação” do manual técnico da WISC-III, no momento da aplicação ou da interpretação dos subtestes, qualquer utilizador, até o mais experiente, poderá ter dúvidas relativamente a certos procedimentos ou decisões que estão dependentes da idade cronológica da criança. Como tal, o seu cálculo é de extrema importância.


 Como calcular a idade cronológica?

Dos treze subtestes que constituem a WISC-III, quatro iniciam-se com o item 1 (i.e., Semelhanças, Composição de Objetos, Compreensão e Memória de Dígitos), dois recorrem a formas distintas, A ou B, dependendo do grupo etário do sujeito (i.e., Código e Pesquisa de Símbolos) e sete utilizam diferentes pontos de início, consoante a idade da criança (i.e., Completamento de Gravuras, Informação, Disposição de Gravuras, Aritmética, Cubos, Vocabulário e Labirintos).

Apesar do utilizador, no momento da administração da WISC-III, apenas necessitar ter em conta o grupo etário a que a criança pertence, na fase de conversão dos resultados brutos em resultados padronizados é essencial conhecer a idade cronológica da criança (anos, mês e dias), para assim saber qual a tabela de conversão a utilizar.

Embora seja possível encontrar ferramentas online que calculam automaticamente a idade cronológica, consideramos que é importante para o utilizador compreender o raciocínio que lhe está subjacente.

Assim, para o cálculo da idade cronológica necessitamos de:

* Data de nascimento da criança.

* Data de avaliação - caso a sessão de avaliação seja repartida por diferentes dias deverá considerar-se a data do primeiro dia de avaliação.

Para realizarmos o cálculo deveremos considerar que:
a) 1 mês = 30 dias

b) 1 ano = 12 meses

Na prática, a idade cronológica de uma criança é obtida através do cálculo da diferença entre a data de avaliação e a data de nascimento. Seguem-se alguns exemplos:

Exemplo 1. Criança nascida a 23 de março de 2008 (23/03/2008) e avaliada a 25 de maio de 2015 (25/05/2015).

Neste exemplo o cálculo é relativamente simples, bastará subtrair à data de avaliação a data de nascimento – esta criança terá 7 anos, 2 meses e 2 dias, o que significa que os seus resultados nos subtestes deverão ser comparados com a tabela de conversão do grupo normativo dos 7 anos (7 anos, 0 meses e 0 dias – 7 anos, 5 meses e 30 dias).

Exemplo 2. Criança nascida a 29 de fevereiro de 2004 (29/02/2004) e avaliada a 20 de setembro de 2014 (20/09/2014).

Neste exemplo, não é possível fazer a diferença entre os dias da data de avaliação (20) e os dias da data de nascimento (29) dado que o valor final seria negativo. Nestas situações, para efetuarmos a subtração, precisamos acrescentar dias à data de avaliação, ou seja, necessitamos converter 1 mês da data de avaliação em 30 dias. Em suma, retiramos 1 mês à data de avaliação (neste caso em vez de 9 passaremos a ter 8) e acrescentamos 30 dias na data de avaliação (neste caso obtemos um total de 50 dias - 20 dias iniciais + 30 dias transferidos), tornando-se assim possível o cálculo da idade cronológica. Após a realização do cálculo conseguimos saber que, no momento da avaliação, a criança teria 10 anos, 6 meses e 21 dias, logo, os seus resultados nos subtestes deverão ser comparados com a tabela de conversão do grupo normativo dos 10 anos e 6 meses (10 anos, 6 meses e 0 dias – 10 anos, 11 meses e 30 dias).

Exemplo 3. Criança nascida a 9 de novembro de 2002 (09/11/2002) e avaliada a 16 de outubro de 2014 (16/10/2014).

Neste exemplo, não é possível fazer a diferença entre o mês da data de avaliação (10) e o mês da data de nascimento (11) dado que o valor final seria negativo. Nesta situação, o raciocínio subjacente ao cálculo da idade cronológica é idêntico ao exposto no exemplo 2. Para efetuarmos a subtração, precisamos de acrescentar meses à data de avaliação, ou seja, necessitamos converter 1 ano da data de avaliação em 12 meses. Em suma, retiramos 1 ano à data de avaliação (neste caso em vez de 2014 passaremos a ter 2013) e acrescentamos 12 meses na data de avaliação (neste caso obtemos um total de 22 meses - 10 meses iniciais + 12 meses transferidos), tornando-se assim possível o cálculo da idade cronológica. Após a realização do cálculo conseguimos saber que, no momento da avaliação, a criança teria 11 anos, 11 meses e 7 dias, logo, os seus resultados nos subtestes deverão ser comparados com a tabela de conversão do grupo normativo dos 11 anos e 6 meses (11 anos, 6 meses e 0 dias – 11 anos, 11 meses e 30 dias).

Em resumo, ao calcular a idade cronológica o utilizador deverá ter em consideração o seguinte:
  1. 1 mês é convertido em 30 dias e 1 ano é convertido em 12 meses.

  2. Para obter a idade cronológica o utilizador deverá começar por calcular os dias, de seguida os meses e só então os anos.

  3. Sempre que o cálculo implicar a soma de dias, não esquecer de subtrair 1 mês na data de avaliação.

  4. Sempre que o cálculo implicar a soma de meses, não esquecer de subtrair 1 ano na data de avaliação.
Aos leitores do nosso blog gostaríamos de deixar o seguinte desafio… Calcule a seguinte idade cronológica:

Criança nascida a 17 de junho de 2000 (17/06/2000) e avaliada a 13 de maio de 2015 (13/05/2015).*

*Os leitores poderão consultar a solução no próximo texto sobre a WISC-III.

7 comentários

  1. A IC do desafio é: 14 anos; 10 meses e 26 dias.

    ResponderEliminar
  2. Cara Carmo, parabéns pela resolução do desafio!

    ResponderEliminar
  3. Muito boa iniciativa, esta de possibilitar aos técnico, textos que os ajudam a melhorar a prática. Parabéns.

    ResponderEliminar
  4. O ic do desafio não seria 14 anos, 11 meses e 26 dias. Pelo fato de acrescentar 12 meses e dar 27-6=11 e não 10, não sei se está certo pode confirmar ou explicar o porquê da resposta da Carmo estar correta obrigada.

    ResponderEliminar
  5. Boa tarde Solange,

    Dado que para calcular os dias da Idade Cronológica necessitou de acrescentar 30 dias à data de avaliação (converteu 1 mês da data de avaliação em 30 dias), deverá subtrair esse mês à dada de avaliação. Assim, em vez de 05 ficará com 04 (acrescentando os 12 meses ficará com 16-6=10). Não se esqueça que, converteu 1 ano em 12 meses, logo deverá descontar 1 ano na data de avaliação (em vez de 2015 o cálculo será feito com 2014). Se quiser praticar um pouco mais aqui fica um desafio: Data de avaliação=13/07/2016; Data de nascimento=24/12/2008. A Idade Cronológica é 7 anos, 6 meses e 19 dias.
    Boas avaliações!
    Carla Ferreira

    ResponderEliminar
  6. Boa tarde.
    Sim eu tive Explicacoes sobre isso na segunda e já aprendi e entendi o método. Obrigada pela resposta

    ResponderEliminar

Escreva o que pretende e carregue na lupa para pesquisar